quarta-feira, 14 de dezembro de 2011



Eu não tenho jeito para escrever textos, definitivamente. Mas quero deixar claro algumas coisas, aqui. Sei que vais ler isto e sei que sabes que é para ti, espero. É estupido o que está a acontecer. O facto de ainda falarmos como se nada fosse e ao mesmo tempo instalar-se ali um ‘’ódio’’ entre nós. Tu conheces-me, eu conheço-te e sabemos perfeitamente os 2 feitios. E por isso sabes bem o porquê de eu falar para ti como falo. Eu sei que tu sabes como eu me sinto e eu (acho) que ainda sei um bocado de ti. Para que saibas eu não mudei como tu dizes, pelo que eu li, parece outra coisa completamente diferente. Eu estou diferente, sim estou. Cresci e aprendi com os meus erros, estou mais ciente daquilo que faço. Tudo o que tu me dizes, ou que me fazes fica gravado, ainda há um bocado de ti em mim, tu sabes disso. Foram muitos anos, sempre para tudo, a nossa vida toda até. E é óbvio que em 6 meses não iria desaparecer. Mas está, ouve alturas em que eu precisava (muito) de ti. Mas já me habituei a viver sem ti. Eras realmente muito importante para mim, mas muita coisa mudou. Já não acredito na nossa ‘’amizade’’, culpa minha ou tua? De ambos os lados. E é impossível desapareceres da minha vida, por muito que eu queira. Há sempre alguém que pergunta como é que estão as coisas, há sempre alguma coisa que eu faço e que me lembro que fazia contigo, e depois há gente que tenciona fazer isso de prepósito. E de todas as pessoas que conheci, foste das mais sinceras comigo, que nunca, mas nunca me deixou. Mais uma vez te digo que eras importante para mim, mas agora nada me resta. Perdi as esperanças e a vontade. Houve tempos em que passava por ti e afectavas-me de alguma forma e evitava falar de ti /passar por ti ou mesmo estar contigo. Agora não me afectas minimamente. Quanto as minhas amizades, quero que saibas que eu sei bem o que tenho, acredita que sei. Cuida de ti, que eu cuido de mim… Ah ! E se isto aconteceu, foi por alguma razão. Não é por acaso que coisas destas acontecem certo? Ironia do destino ..

12 comentários:

beatrizpereira disse...

muita força *`está lindo!

nicolemorais disse...

gostei muito! tens jeito para falar, sim! e ainda bem que conseguiste superar e que agora estás bem (:

Sofia ☮ disse...

também gostei do que li .
e por vezes o que pensamos nunca mais voltar ao que era, volta, e ainda se torna ainda melhor

cláu. disse...

escreves msm bem*

beatrizpereira disse...

de nada *

nicolemorais disse...

nunca desvalorizes o que gostas de fazer *
acredito que sim.. mas isso um dia acaba por passar.

Andreia Cunha disse...

nao sei o nome da musica , eu só tirei a musica de um video (;

Sofia ☮ disse...

e no teu caso é o que querida?

Sofia ☮ disse...

e é isso que tu queres ?

sara raquel. disse...

ó, obrigada doce (: e eu a seguir-te a ti*
e, força querida, o texto está lindo $:

sara raquel. disse...

ó, não tens de quê meu doce (:

lúciacosta. disse...

obrigado querida. está lindo tbm. :))
sigo*